14 fevereiro, 2007

Protesto...

Perdoem-me os que não gostam de correntes...
Aqueles que preferem ter um espaço só pra dizer coisas bonitas...
Aqueles que mesmo tristes acham que as realizações partem só da camada superior...

Perdoem-me os que entendem o valor de uma vida,
mas que jamais entenderão o valor da vida de filho para uma mãe...

Confesso que desde o dia que tomei conhecimento da barbárie que foi a morte do garoto João Hélio, no RJ, não consigo falar no assunto, não consigo ver no noticiário, não consigo nem pensar sobre. Estou, sim, diante de algo que me apavarou. Eu com um filho na mesma idade que ele e uma filha um pouco mais nova que a irmã de João Hélio, sinto-me apavorada em dizer: Quem pode nos proteger se não Deus?

Já não confio em homens, travas de segurança, alarmes, cintos, gps, gente.

Um protesto silencioso de quem sofre a dor de uma mãe.
Não neste post... mas nas lágrimas que me afloram só de pensar no fato.
Sinto muito... meu coração triste ainda tem a capacidade de se indignar e sofrer pela dor alheia.


por Cau Alexandre

2 comentários:

  1. Indignadas juntas, querida.. eu chorei demais.. e cada vez que penso choro ainda.. e tenho um sobrinho da mesma idade.. se eu, como tia, não consigo tirar a imagem da cabeça.. imagina uma mãe.

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Tenho um filho dessa idade. Só sinto dor e revolta...
    Só isso. =(

    ResponderExcluir

Olá! Feliz que você queira deixar um rastro nas águas desse Mar de Palavras®. Gosto de lê-los e saber como cada um sente ao ler o que aqui eu exponho a vocês.
Fiquem sempre à vontade... mas é bom lembrar:

Os comentários aqui publicados são de exclusiva e integral autoria e responsabilidade dos leitores que dele fizerem uso. Reservo-me, desde já, o direito de excluir e/ou não publicar comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros. Textos de caráter promocional ou inseridos sem a devida identificação de seu autor (nome ou nick e endereço válido de e-mail) também serão excluídos.

... εϊз "Não se preocupe em entender. Viver ultrapassa todo entendimento" (Clarice Lispector) εϊз ...